Programação e Língua Inglesa: alunos criam jogo sobre Novo Hamburgo com Ozobot

Conhecimentos de tecnologia, localização e lógica foram desenvolvidos
Compartilhe:
WhatsApp
Conheça a educação multiconectada!
Eixos Envolvidos nesta atividade:
Liderança e Empreendedorismo Pesquisa Colaboratividade e Tecnologia Sociedade e Cultura Plurilinguismo
Programação e Língua Inglesa: alunos criam jogo sobre Novo Hamburgo com Ozobot

As turmas dos 3ºs anos A e B do Ensino Fundamental Bilíngue da IENH - Unidade Pindorama seguem com os estudos sobre a cidade de Novo Hamburgo e a imigração alemã. Orientados pela Professora Janaína Menezes, nas aulas em Inglês, estão desenvolvendo conhecimentos sobre programação e jogos.

Depois de vivenciarem muitos passeios pela quadra da escola, interações com mapas impressos e pelo Google Maps, pesquisas e aulas gamificadas, os estudantes criaram um jogo híbrido que acontece de forma analógica e digital. Inicialmente, foram divididos em grupos e fizeram a representação de uma quadra na forma de maquete, com materiais como sucata e papel. Na maquete, desenharam os lugares que consideravam mais significativos na quadra da escola, no bairro que moram e também na cidade de Novo Hamburgo. Após a montagem, pensaram na narrativa do jogo e optaram por um jogo de enigmas que envolvesse missões e incluísse o Ozobot, uma tecnologia que permite criar programações diversas em blocos.

Na narrativa criada pelos alunos, o Ozobot vinha visitar o bairro e precisava achar uma casa para morar. Assim, os jogadores deveriam ajudar o Ozobot a resolver enigmas para que ele conseguisse alcançar o seu objetivo. Toda vez que aparecesse um enigma no jogo, a luz do Ozobot piscava, indicando que o jogador tinha algo a decifrar. A criação dos enigmas foi realizada pelos estudantes em Inglês a partir da construção da maquete.

Coletivamente, os alunos realizaram a programação do Ozobot, resolvendo cálculos, utilizando lógica, formulando e testando hipóteses, interpretando informações, avaliando o planejamento até conseguirem a programação exata do Ozobot. Concluída tal etapa, eles se divertiram com o próprio jogo e o dos colegas, fazendo muitas trocas entre si e praticando a Língua Inglesa.

Conforme a Professora Janaína, o projeto proporcionou aos alunos a interação com diferentes linguagens: verbal, textual, digital, analógica, cartográfica, artística, matemática e de programação, bem como o compartilhamento de ideias, opiniões e experiências. Além disso, produziu sentido, autoria e ampliação de repertório sobre a imigração alemã e a cidade de Novo Hamburgo, possibilitando aos estudantes a compreensão e valorização da identidade, cultura e história.


Atualizado em: 10/07/2018