Alunos bilíngues aprofundam os seus conhecimentos sobre cyberbullying, fake news e segurança digital

Compartilhe:
WhatsApp
Conheça a educação multiconectada!
Eixos Envolvidos nesta atividade:
Pesquisa Saúde e Qualidade de Vida Colaboratividade e Tecnologia Sociedade e Cultura Plurilinguismo
Alunos bilíngues aprofundam os seus conhecimentos sobre cyberbullying, fake news e segurança digital


Segundo pesquisa realizada pela UNICEF em 2019, um em cada três jovens alegou já ter sido vítima de cyberbullying. No Brasil, 36% dos entrevistados afirmaram já ter faltado aula após ter sofrido cyberbullying de colegas de turma. Dessa forma, reflete-se sobre a importância de incorporar às práticas de sala de aula, momentos que abordem esse e outros assuntos que permeiam a Era Digital.

Pensando sobre esse contexto, a Professora Gabriella Schorn (disciplina de Língua Portuguesa) e os alunos do 6ºano do Ensino Fundamental da IENH - Unidade Oswaldo Cruz  aprofundaram os estudos sobre cyberbullying, fake news, segurança digital e cuidados com a saúde física ao utilizar as tecnologias, através de propostas que envolveram pesquisa, resolução de situações-problema, além da apreciação e criação de textos publicitários no site Canva. Os alunos puderam refletir, dialogar, expor as suas dúvidas e expressar a sua opinião sobre o assunto. Após, foram criados cartazes a fim de alertar os demais jovens sobre os perigos do mundo on-line.

Por fim, foi realizada uma parceria com o Professor Carlos Ribeiro, na disciplina de Programming, em que os alunos criaram individualmente animações utilizando a plataforma Scratch. Nesta, foram elaboradas situações com diálogos, tanto em português como em inglês, envolvendo o assunto em estudo.

De acordo com Gabriella, “a atividade foi considerada de grande relevância para o desenvolvimento emocional dos alunos e também para a construção de competências digitais necessárias à sociedade na atualidade”.



Atualizado em: 09/10/2020